Base Subterrânea Anunnaki? As misteriosas entradas na Romênia e no Iraque

Base Subterrânea Anunnaki? As misteriosas entradas na Romênia e no Iraque

13/01/2022 0 Por Jonas Estefanski

Os teóricos e pesquisadores da base militar subterrânea parecem ter tropeçado em uma base subterrânea Anunnaki. E o pior é que o Pentágono parece tê-lo descoberto anteriormente.

Muito se tem falado que existem bases extraterrestres escondidas no mundo. No entanto, é possível que algumas bases subterrâneas Anunnaki ainda existam?

Uma das bases mais importantes do planeta poderia possuir tecnologia Anunnaki. No Monte Bucegi, na Romênia, poderia ter sido o local onde o exército de Enki, entre outras divindades da antiga Mesopotâmia, se refugiou.

Base Subterrânea Anunnaki
Muitos dos controladores que se dedicaram ao mapeamento e geolocalização de bases militares subterrâneas ouviram falar dessa base. Parece estar protegido por tecnologia eletromagnética, que cria “invisibilidade”.

No entanto, em 2002, foi descoberta a existência de um buraco nas proximidades do Monte Bucegi. Essa estranha cavidade penetrou no interior do conjunto rochoso.

A entrada levava imediatamente a um túnel perfeitamente feito, pelo que os especialistas garantiram que devia ter sido fabricado artificialmente.

Essa característica, somada ao possível campo eletromagnético que o envolve e às imagens de satélite, sugere tratar-se de uma base subterrânea.

Segundo os teóricos, essa base foi descoberta pela primeira vez pelo Pentágono, que detectou a parede de energia e a frequência de vibração ao redor da “entrada”.

Além disso, suas características são semelhantes a outra base subterrânea descoberta em Bagdá, no Iraque, pouco antes do início da “Guerra do Iraque”.

Acredita-se que esse foi o verdadeiro motivo pelo qual as tropas americanas invadiram o país. E que outros o tomaram sem que o povo do Iraque soubesse de sua existência.

Tecnologia desconhecida
O Exército dos Estados Unidos conseguiu penetrar na defesa da base graças a um avançado armamento desconhecido carregado por dois generais do Pentágono, juntamente com o assessor da Presidência dos Estados Unidos.

Apenas a entrada para esta base subterrânea ficava a cerca de 60 metros da parede de segurança eletromagnética.

Segundo os teóricos, foram encontradas armas com uma tecnologia muito avançada para humanos. Feixes de plasma e máquinas capazes de penetrar além da crosta terrestre em alta velocidade.

Depois de passarem pelo gigantesco túnel, entraram em uma grande galeria que, apesar de ter desconectado a barreira de energia, podia ser vista com grande clareza.

A outra barreira que ainda estava ativa, bem na frente da primeira, começou a emitir energia ainda maior. Os oficiais continuaram a descer, notando 2 enormes entalhes em pedra, um de frente para o outro, com cerca de 2 metros de altura.

Neles havia escritos cuneiformes, como o encontrado na Cueva de los Tayos ou os do Lago Titicaca, só que este era de origem totalmente desconhecida.

Este, segundo os funcionários, apresentava características proto-suméricas, muito semelhantes às encontradas no Monólito de Pokotia.

É possível que esta base subterrânea, juntamente com a encontrada no Monte Bucegi, sejam na verdade bases subterrâneas usadas pelos antigos reis Anunnaki durante uma guerra milenar. Esta teoria poderia confirmar a existência de antigos astronautas.