“O governo dos EUA está ciente das bases alienígenas na Lua”, revela o ex-oficial da Força Aérea (vídeo)

“O governo dos EUA está ciente das bases alienígenas na Lua”, revela o ex-oficial da Força Aérea (vídeo)

25/12/2021 0 Por Jonas Estefanski

Especialistas em OVNIs chegaram à conclusão de que colônias alienígenas estão na lua. Desde o início da era espacial e as missões Apollo, várias provas dessas bases alienígenas foram feitas.

 Muitas dessas provas são imagens tiradas pelos astronautas que participam dos voos da Apollo, mas até fotos tiradas por vários satélites militares. Ainda temos depoimentos de astronautas do projeto Apollo, mas também de oficiais militares de alto escalão dos EUA. Milton William Cooper, escritor e locutor americano aposentado 

Oficial de inteligência da Força Aérea, testemunhou sob juramento em 1989 que o governo dos Estados Unidos foi informado dessas bases na lua. Cooper afirma que esses baixos foram fotografados pelos astronautas das missões Apollo e que esses baixos abrigam enormes naves espaciais. Ele também afirmou que os astronautas viram enormes dispositivos trabalhando em torno dessas bases. 

O projeto da Apollo 25 fotografou uma espaçonave muito grande perto da Cratera Delporte. Mais tarde, a Apollo 20 sobrevoou o campo e tirou fotos da espaçonave que caiu na lua. Embora Cooper estivesse cavando os fatos, ele obviamente chegou muito perto disso e foi assassinado em 2001 pelos oficiais do xerife. Sua casa no Arizona foi invadida por causa de uma investigação de evasão fiscal.

O relato inicial do evento sugere que Cooper foi o primeiro a abrir fogo. Oh, sim, se você chegar muito perto dos conspiratórios da cabala, você será assassinado. A maioria dos OVNIs afirmam que a NASA tem muitas imagens de bases alienígenas na lua. Scott C. Waring, um dos ufólogos mais respeitados, afirma que existe um complexo de bases alienígenas lunares no lado escuro e distante da lua.

Parece loucura, diz ele, mas é real, e temos a confirmação direto dos satélites militares. Em 1994, a Marinha dos Estados Unidos enviou uma espaçonave chamada Clementine para tirar fotos da Lua por dois meses consecutivos. 

Clementine criou 1,8 milhões de imagens da Lua, mas apenas 170.000 dessas fotos foram publicadas para o público. O resto deles foram classificados. Fotos classificadas nas crateras da Lua !? Uma das mais fortes revela que existem bases alienígenas no lado escuro da Lua de Ingo Swann (1933-2013), um espectador remoto. Ingo Swann ajudou o governo dos Estados Unidos a introduzir um serviço de visualização remota em 1970.

 Em 1973, quando Swann fez uma visão remota de Júpiter, ele identificou os anéis ao redor da Terra e, em 1979, a Voyager 1 fotografou os anéis ao redor de Júpiter. Junto com Axelrod, outro visualizador remoto, Swann fez algumas sessões remotas observando o lado escuro da lua e encontrou algumas bases alienígenas. 

Gary S. Bekkum, redator do jornal American Chronicle, diz: “Swann, com sua visão remota, visualizou a Lua em coordenadas pré-estabelecidas, sob a direção de Axelrod.

Uma dúzia de locais diferentes foram pesquisados, e logo eles descobriram que existem bases alienígenas em certos lugares. 
Swann viu sinais de rodas grandes e certos equipamentos, como tratores. 
A princípio, Swann ficou intrigado com o que havia notado, mas lembrou-se de ter visto operações de construção. 
Swann diz que foi avistado por dois humanóides alienígenas em algum momento, e ele se perguntou se estava sob alguma ameaça!