Minerais de origem extraterrestre, muito mais duros que diamantes, descobertos em Israel

Geólogos de todo o mundo estão fascinados por uma nova descoberta sensacional. A descoberta foi feita por uma mineradora no Vale do Zevulun. No norte de Israel, o Vale Zevulun está localizado perto do Monte Carmelo.

Essa mineradora teve muita sorte em descobrir um mineral nunca antes descoberto no planeta. A International Mineralogical Association incluiu este novo mineral em sua lista anual de novos minerais que aguardam reconhecimento oficial.

Acreditava-se que esse tipo de mineral só era encontrado em solo extraterrestre. Este material se assemelha ao alendeíto, que foi descoberto quando o meteorito de Allende atingiu a Terra em 1969.

Esta descoberta da mineradora Shefa Yamim é notável porque é a primeira vez que este mineral é descoberto de forma natural em rochas do planeta.

Segundo Shefa Yamin, CEO da mineradora, o minério se chamará Carmelita. O nome da área onde foi descoberto é Carmelita.

A carmeltazita é muito mais dura que o diamante, apesar de possuir uma composição química comparável ao rubi e ao diamante, segundo pesquisas rigorosas.

Como resultado, a carmeltazita é extremamente cara. A carameltazita é formada naturalmente a cerca de 18 milhas abaixo da superfície da Terra, de acordo com a Forbes.

Outra coisa interessante sobre a Carmeltazita é que ela só foi descoberta no Vale Zevulun, o que a torna um dos minerais mais raros do mundo. E o preço será algo fascinante.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: