Estranha teoria soviética dizia que a Lua seria uma nave alienígena

A hipótese extravagante sobre o satélite natural da Terra tentava explicar suas origens

Por: HISTORY Brasil

A Lua é motivo de fascínio desde que os humanos primitivos voltaram seu olhos para o céu. Mesmo após os primeiros astronautas terem chegado lá, em 1969, a curiosidade sobre o nosso satélite natural nunca foi dissipada. Embora a teoria mais aceita sobre a origem lunar envolva a colisão de um protoplaneta com a Terra, uma outra hipótese extravagante surgiu certa vez na União Soviética: a Lua seria uma nave alienígena.

Teoria Vasin-Shcherbakov

Tudo começou com teoria errônea de que a Lua é oca, que ganhou força após um experimento da missão Apollo 12. Os astronautas intencionalmente deixaram cair o módulo lunar sobre a superfície do satélite natural. Foi assim que os sismógrafos na Lua detectaram um som que foi descrito como um gongo ou um sino, que se prolongou por oito minutos.

Um ano depois, em 1970, a missão Apollo 13 deixou cair sobre a superfície lunar o foguete Saturno, que gerou um impacto similar ao do módulo lunar em 1969, embora desta vez os sismógrafos tenham registrado um som que durou mais de três horas. Pesquisas feitas nos anos seguintes comprovaram que a hipótese de que a Lua seria oca estava errada.

Mas, na década de 70, os cientistas soviéticos Alexander Shcherbakov e Mikhail Vasin levaram a ideia da Lua oca adiante ao assinarem um artigo intitulado “A Lua é uma criação de seres inteligentes?”, publicado em um revista popular da URSS. No texto, os pesquisadores levantaram a hipótese estranha de que o satélite natural da Terra teria sido criado por uma raça extraterrestre. A hipótese ficou conhecida como Teoria Vasin-Shcherbakov

“Abandonando os caminhos tradicionais do senso comum, nos deparamos com o que à primeira vista pode parecer uma fantasia desenfreada e irresponsável. Mas quanto mais examinamos todas as informações coletadas pelo homem sobre a Lua, mais nos convencemos de que não há um só dado que descarte nossa suposição”, afirmaram na época Shcherbakov e Vasin.

Os soviéticos chegaram a dizer que a Lua poderia ser um “satélite artificial posto em órbita ao redor da Terra por seres inteligentes provenientes de uma civilização altamente desenvolvida”. Eles se referiam mais especificamente a uma espécie de nave espacial gigantesca e antiga.

Indo ainda mais longe, eles afirmaram que, no interior da Lua, haveria “tudo o que fosse necessário para que essa ‘caravela do universo’ servisse como uma espécie de ‘Arca de Noé’ dos extraterrestres, e talvez, inclusive, como o lar de toda uma civilização que previa uma existência prolongada de bilhões de anos e longas viagens pelo espaço por bilhões de quilômetros”.

Fonte: La Nación

Imagens:  Bromley86, via Wikimedia Commons e NASA

Você pode gostar...

Deixe um comentário